Lojinha #adotei

Loja onine #Adotei Loja onine #Adotei

Blog Luisa Mell

Anemia e vegetarianismo: O que é verdade e o que é mito? O que comer para manter a anemia longe?

Na mesma semana, por coincidência, eu e a Cida que trabalha aqui em casa fizemos exames de sangue. Cida , come carne todos os dias, eu, não como carne há mais de dez anos. Adivinhem que está com anemia? Contrariando o que muitas pessoas pensam, quem está com anemia é a Cida!

Sei que ficar anêmica,  é um dos medos que as  pessoas tem ao pensarem em se tornar   vegetarianas. Por isso resolvi entrevistar o Dr Eric Slywitch, que é nutrólogo especialista em vegetarismo.

 

Muitas pessoas associam vegetarianismo a anemia. O que tem de verdade e o que tem de mito nisto?

Só tem mito!! Os estudos mostram que a prevalência de anemia em populações vegetarianas é idêntica à encontrada em populações não vegetarianas.

 

Minha assistente do lar que não é vegetariana ( come carne todos os dias) está anêmica. E eu que sou totalmente vegetariana não. Poderia explicar?

 

O fator mais determinante da anemia por deficiência de ferro é a perda de sangue. Quando a menstruação é prolongada e intensa, há mais perda de sangue e, consequentemente, de ferro.

Doação de sangue leva à perda de ferro também e, se não for muito bem monitorizada, pode levar à anemia.

Gestação é outro ponto importante, pois ocorre um grande consumo de ferro pelo organismo da gestante e para a formação do bebê. Gestantes que não suplementam ferro têm grande risco de apresentar deficiência de ferro.

Verminoses podem levar à anemia também.

Assim, é importante saber que a perda é mais importante do que a dieta.

Dependendo da forma que o organismo de vocês duas foi exposto à perda de sangue, a chance será maior ou menor de apresentar anemia por falta de ferro, independente do tipo de alimentação que seguem.

 

Quais são os sintomas de anemia?

Na anemia por falta de ferro temos uma variedade de possibilidade de sintomas.

Pode haver falta de ar com esforços mínimos, tontura ao se levantar, fadiga intensa, sono excessivo, tristeza sem motivo aparente, queda de cabelos e alterações em unhas.

Quando a anemia é bastante acentuada pode haver perversão do apetite, configurado pela vontade de mastigar gelo, comer arroz cru, barro, terra e tijolo.

Muitos médicos indicam comer carne para tratar de anemia, muitas pessoas que eram vegetarianas voltaram a comer carne devido recomendações médicas. Qual a verdade nisto? O médico da minha empregada para tratar da anemia não recomendou mais carne e sim vegetais.

 

Não adianta comer carne para corrigir a anemia por falta de ferro por uma conta simples.

Observe que a maioria dos suplementos de ferro à venda nas farmácias contêm cerca de 100 mg de ferro e, quando o médico o prescreve, o faz por meses seguidos. Isso equivale a 2 kg de fígado! Ou seja, seria impossível corrigir uma anemia comendo carne.

Como evitar a anemia, para quem come ou quem não come carne?

 O primeiro passo é fazer uma avaliação médica, pois os exames de sangue mostram com clareza como está o ferro no nosso organismo.

Quanto maior a perda de sangue de uma pessoa, maior é o risco para anemia por falta de ferro.

Existem alguns alimentos essenciais para manter a anemia longe? As combinações de alimentos são importantes tb? Pode dar um exemplo?

Como tentativa de prevenção, é interessante usar cereais integrais e feijões como fontes de ferro, e enfatizar seu consumo concomitantemente a uma elevada ingestão de alimentos ricos em vitamina C, como as verduras cruas e frutas.

Algumas verduras são boas fontes de ferro também, mas se pensar que elas serão as principais fontes de vitamina C, estará colocando na sua dieta os dois nutrientes que trabalham em sinergia.

 

Ou seja amigos, mas uma vez comprovamos que falam muita bobagem em relação a o vegetarianismo. Sexta-feira tenho uma consulta e entrevista com o DR. Eric, por favor mandem suas dúvidas!!!!bjbjbj

 

 

Dr Eric Slywitch
(11) 3628 8360
www.alimentacaosemcarne.com.br

 

 

Postado por
Data
26 junho, 2013
Categoria
Comentários
22 Comentários

Deixe um Comentário pelo Facebook

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

22 Comentário:Anemia e vegetarianismo: O que é verdade e o que é mito? O que comer para manter a anemia longe?

  1. thais

    a resposta da 1ª pergunta está errada:

    Os estudos mostram que a prevalência de anemia em populações (vegetarianas) é idêntica à encontrada em populações (vegetarianas).

  2. Vanessa

    Por favor Luisa, pergunta sobre alimentação vegetariana para bebês a partir dos 6 meses. Sou vegetariana tbm e quero que meu filho (2 meses) siga essa dieta tbm, por nós e os animais! Bjos

  3. monique

    gostei da materia.pois tenho vontades de ser vegetariana mais tinha medo,pois meu medico disse q a principal fonte de ferro se encontras na carne.entao fiquei com medo mais depois dessa materia maravilhosa mudei minha opinial.

  4. Raquel

    Obrigado Luisa,queria muito esclarecer minhas duvidas sobre esse tema,tenho anemia falciforme e queria muito saber se posso me tornar vegetariana,pelo que li sei que posso. obg novamente! sou sua fã bjs.

  5. Daiane

    Oi Luisa, teve uma menina (da minha cidade vizinha), acadêmica do Curso de Nutrição, que fez seu Trabalho de Conclusão do Curso sobre o “Estado nutricional e perfil bioquímico de vegetarianos estritos e ovolactovegetarianos”. Ela contou com a participação de vários voluntários (eu também), para averiguar a composição corporal de vegetarianos através de avaliação nutricional e exames bioquímicos, analisando nosso consumo alimentar através de um recordatório alimentar de 24 horas e um registro de três dias. Também analisou a composição corporal através de bioimpedância elétrica. Não obtive resposta concreta ainda quanto aos resultados, mas o que soube “por cima”, é que os vegetarianos estritos tiveram um resultado melhor que os ovolactovegetarianos… inclusive sem sinais de anemia, que é o que todas as pessoas costumam argumentar para nos convencer que “carne é importante”. Parece que a pesquisa foi mais surpreendente do que imaginávamos… Fico feliz quando as pessoas olham pra nossa escolha com respeito e interesse. E me alegro também, por tu oportunizar o conhecimento pra nossa sociedade. Um abraço!

  6. Bruna

    Luisa, tenho uma dúvida. A nori e a soja são suficientes para repor a vitamina b12 no organismo ou nesse caso tem que tomar o complexo vitamínico b12 de origem animal?

    Estou adorando seu site! =)

  7. Luciana

    Realmente não tem nada a ver ser vegetariano e ter anemia. Quando descobri que estava grávida, todos ficavam dizendo “agora vai ter que comer carne” e foi muito pelo contrário quando disse o obstetra ele me elogiou por não comer carne e disse que também quer ser vegetariano um dia :) Beijos a todos!!!

  8. Rose

    Luisa,o grao de bico e a lentilha podem substituir a carne,ja que sao ricos em proteina?bjs

  9. Lucianne

    Lu adorei o post, mas gostaria que você falasse um pouco sobre gravidez e falta de carne, pois, não como carne a mais de 1 ano e pretendo engravidar aí existe o famoso mito de que a criança vai precisar das vitaminas da carne para se desenvolver.
    Fico no aguardo.
    Mil beijos e te admiro muito.

  10. patricia oliveira

    amo todo seu trabalho .queria poder morar pertinho de vcs para ajudar muito amo animais muito muito ,tenho 2 vira latas lindos meus amores bjs parabens deus te abençoe sempre

  11. Silvana

    Meu filho tentou deixar de comer carne e chegou a desmaiar.Será que isso tem alguma relação,ou pode ser sintoma de alguma outra coisa?

  12. Kátia

    Ei Luisa,
    Eu queria saber sobre a carne vegetal, conhecida também como carne de soja. Quais os benefícios dela?

  13. Lívia

    Tenho Artrite reumatoide e gostaria de ser vegetariana,posso?

  14. Lívia

    Bem sou sua fã,e quero muito que a proteção animal siga com mais força rumo ao rio de janeiro!

  15. Regina Olivia

    Olá. Sou ovolactovegetariana há mais de 50 anos, aliás desde bebê. Carne em sopinha de bebê, pra mim, nem pensar.Punha tudo fora rapidinho. E até hoje, não adianta tentar me enganar, percebo o cheiro, por menor que seja de carne em alguma preparação culinária, e se comer sem perceber, passo mal mesmo. Não tenho anemia, mas fiquei anêmica por uma perda de sangue devido à uma menstruação abundante, por um período. Fiz um tratamento e ficou tudo bem.Não consumo ovos ou leite e derivados com frequencia não, passo semanas sem eles. Adoro frutas, verduras e legumes, soja, gosto de fazer tortas de legumes, palmito, cebolas, “bife” de grão de bico…Carne não me faz falta, nunca fez. Já fui em médicos que me falaram que eu viveria doente, ficaria com muitos problemas etc…achava graça, outros me mandavam fazer exames de sangue e ficavam surpresos por não ter anemia ou outros problemas, e continuei a vida,pois me sentia bem e hoje, ser o.l.vegetariana é minha identidade.
    Um grande abraço, Regina.

  16. Denise

    Bom dia! Não como nada animal a mais de 30 anos e nunca tive anemia, mesmo tendo endometriose com uma menstruação muito abundante. Minha alimentação é rica em frutas frescas e secas, grãos de todos os tipos (menos feijão, que já fiz de todo jeito e me faz muito mal), verduras e legumes. Quando precisei me operar e falei no hospital que não comia carne e leite com os seus derivados, as nutricionistas fizeram um escândalo e me fizeram diversos tipos de exames de sangue e sempre deu tudo certo. Falei para elas voltarem para a faculdade e estudarem mais, já que a tese delas estava totalmente errada. Na minha gravidez não comi carne nenhuma e meu filho não comeu carne bebê e sempre foi saudável e forte sem nenhuma doença. As pessoas acham que se alimentam bem por comer carne e isto não é uma verdade. Beijos e parabéns por tudo o que fazes, és um ser de muita luz, sempre te emano muita luz, fé e força para continuar nesta luta.

    • Luisa Mell

      Oi querida! Ameiii seu depoimento! Mas gostaria de te dar uma dica sobre feijão! Tb passava muito mal, dá uma lida no post que fiz sobre feijão no canal uma vegetariana pelo mundo!! Me salvou espero que te ajude tb!!bjbjbj

  17. Maria de Fátima

    Olá Luisa quando você voltará a Tv estou com saudades
    você faz muita falta.

  18. Lívia Lemos

    Olá Luisa…Eu gostaria muito de ser uma vegetariana!!! O que posso substituir pela carne?E os produtos indrustializados que posso comprar que não tem origem animal? Mas eu tenho 11 anos…Por favor,me responda!Beijos,adoro você e seu trabalho!

    • Luisa Mell

      Oi linda. Olha vc vai precisar comer direitinho. Tenho vários post no canal uma vegetariana pelo mundo explicando o que comer. Mas um resumo rápido, vc vai ter que comer muita salada( principalmente folhas escuras), todos os feijões( feijão ,grão de bico, lentilha, ervilha…todos os dias!!, muitas frutas e grãos como quinua, amaranto…as castanhas tb são importantes) Acho melhor vc pedir para sua mamãe te levar no médico. O dr, Eric é ótimo!!Vc mora em SP?
      bjbj